skip to Main Content

Zé da Leonor

Reserva Tinto

6.93 

O “Zé da Leonor” era um Agricultor assim conhecido na zona, que comprou a Quinta Nova no início do século XX.

Foi assim que começou o projeto que deu origem à garrafa que te preparas para abrir.

Hoje, passadas quatro gerações, o seu neto e bisnetos recuperaram a Quinta, que fica na vila de Riachos, perto do Entroncamento.

Para além disso, plantaram nova vinha, construíram uma adega moderna e produzem agora um vinho com o seu nome – o “Zé da Leonor” – que tem, tal como o homem que lhe dá o nome – um carácter forte que a família quer perpetuar no tempo.

Em 2012, a família quis juntar a experiência agrícola que tinham numa estrutura profissional e organizada, que permitisse assim dar seguimento a um projecto de longa data – a criação da Casa Agrícola Rebelo Lopes.

O processo de produção dos vinhos – e deste “Zé da Leonor” em particular – passa pela combinação das técnicas mais modernas com a sabedoria e a experiência de práticas tradicionais. Além disso, há uma aposta forte na sustentabilidade e, claro, em produzir vinhos de muita qualidade.

Já viste como uma aparentemente simples garrafa de vinho pode carregar dentro de si histórias de uma vida inteira?

Esperamos que tenhas uma óptima história para contar deste “Zé da Leonor”.

Cheers!

Entrega Estimada: 02, Março 2021

Adicionar aos Favoritos
Adicionar aos Favoritos

Descrição

Região: Tejo
Tipo: Tinto
Enólogo: Filipe Sevinate Pinto
Castas: Alicante Bouschet, Cabernet Sauvignon, Syrah e Touriga Nacional
O Vinho: “Zé da Leonor” Agricultor assim conhecido na zona, tendo adquirido a Quinta Nova no início do século passado, começou o projeto que culminou na produção deste vinho. Hoje, passadas quatro gerações, o seu
neto e bisnetos recuperaram a Quinta. Plantaram nova vinha, construíram uma adega e produzem agora um vinho com o seu nome – o “Zé da Leonor” – que tal como ele revela o carácter e a forte personalidade que queremos transmitir às próximas gerações.
Designação Especial: Reserva
Terroir: Solo franco-arenoso, em encosta voltada a Sul, de invernos rigorosos e verões quentes e secos
Produção: 15000 garrafas
Produtor: Pedro Rebelo Lopes
Sugestão de Acompanhamento: Pratos fortes e condimentados de carne e alheira de caça
Acidez Volátil: 0,57 g/l
Vinificação: Em adega própria. Desengace e esmagamento a baixa temperatura, corte em lagar de granito seguido de fermentação em cuba de inox a 25ºC
Notas de prova: Vinho de cor granada profunda, nariz expressivo com notas de fruta madura, baunilha e suave resina fresca. Na boca é um vinho intenso, cheio, com estrutura e acidez a assegurarem uma evolução favorável nos próximos anos
Servir / Desfrutar: Servir a 18ºC

Informações técnicas

Álcool: 14%
Acidez Total: 3,85 g/l
pH: 3,85

Receita

Descarrega aqui a receita

Arroz de polvo com bivalves “à bulhão de pato” e chouriço crocante by Chef Pedro Almeida
Ingredientes:
• 1 polvo de 1,5kg
• 300 g de miolo de berbigão à bulhão de pato (pode optar por comprar o miolo de berbigão)
• 300 g arroz carolino
• 1 pimento vermelho
• 2 cebolas
• 3 tomates bem maduros
• 5 dentes de alho
• 1 malagueta sem sementes (opcional)
• 1 chouriço
• 0,5 dl de azeite
• 2 folhas de louro
• 1 ramo de coentros
• Sal q.b

Ingredientes para o berbigão à bulhão de pato:
• 1kg de berbigão fresco
• 6 dentes de alho
• 4 c. sopa azeite
• 1 molho de coentros
• 1 limão

Modo de Preparação:
Preparação do berbigão:
Certifique-se de que os berbigões estão bem depurados. Colocar o berbigão num recipiente com sal e água corrente. Deixe-as escorrer dentro de um coador de rede.
Leve os dentes de alho, laminados, ao lume com o azeite até começarem a alourar.
Adicione os berbigões e mexa, incorpore os pés dos coentros picados
Tape e cozinhe em lume moderado cerca de 5 minutos ou até os berbigões abrirem, agitando o tacho de vez em quando para que todas recebam calor por igual.
Polvilhe com as folhas dos coentros e regue com raspa e sumo do limão.
Coe o caldo e reserve
Escolha o miolo do berbigão e reserve.
Deixe alguns berbigões na casca para decorar o prato

Preparação arroz de polvo:

Depois de descongelado, coza o polvo em água com as folhas de louro, uma cebola e dois dentes de alho durante cerca de 40 minutos ou até ficar macio.
De seguida, retire o polvo, corte a ponta dos tentáculos de forma a ficar a penas com a parte central do tentáculo.
Junte as pontas dos tentáculos à cabeça do polvo e corte em cubos, passe o caldo pelo passador de rede e reserve.

Descasque a cebola e os dentes de alho e pique-os finamente. Corte o pimento ao meio, retire as sementes e peles brancas e corte em cubos, faça o mesmo processo com os tomates

Leve ao lume um tacho com o azeite, deixe aquecer, junte a cebola e os dentes de alho e deixe refogar um pouco até que a cebola fique macia. Adicione depois o pimento, o tomate e a malagueta deixe cozinhar em lume brando até que o tomate se desfaça.
Adicione o arroz e envolva bem no estufado, regue de seguida com 1,5 L da água do polvo. Se necessário, adicione mais água até perfazer o total necessário. Deixe cozinhar por 20 minutos ou até o arroz estar no ponto que gosta.

Enquanto o arroz coze, coloque uma quantidade generosa de azeite e chouriço cortados em cubos numa frigideira, leve a lume brando até o chouriço ficar crocante nesta altura junte os tentáculos de polvo e um alho esmagado e envolva.

No final, quando o arroz estiver cozido acrescente os pedaços de polvo, o berbigão e o caldo do berbigão, retire do lume e polvilhe com bastantes coentros picados.

Sirva o arroz. Em cima coloque os tenáculos de polvo e o chouriço crocante, decore com folhas de coentros e o berbigão na casca.

Avaliações dos Clientes

Avaliações

Não há comentários ainda.

Somente compradores logados podem escrever sobre o produto.

Avaliações dos Clientes

Avaliações

Não há comentários ainda.

Somente compradores logados podem escrever sobre o produto.

COMO FUNCIONA

Your wine at home

A ESCOLHA

Nós escolhemos o vinho com a ajuda dos nossos especialistas.

A ENTREGA

Tu escolhes o local onde queres que o vinho te seja entregue. Em casa, no trabalho, na casa de férias ou de um amigo.

A PROVA

Guardamos o melhor para o fim: a prova. Delicia-te com a escolha que preparámos para ti, diverte-te e… repete tudo outra vez.

Back To Top
TEM IDADE LEGAL PARA O CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS? Para aceder a esta página deve ter idade legal para o consumo de bebidas alcoólicas, de acordo com os termos legais do seu país.
Close search
Carrinho